Regulamento Competição

REGULAMENTO FND – Competição 2020

COMPETIÇÃO FND  

1ª Etapa  – Seleção de coreografias por vídeo ou por seleção de coreografias premiadas em  concursos parceiros do FND.
2ª Etapa – Semi-Finais – Seleção dos premiados em 1º, 2º e 3º lugar em cada modalidade, divisão.
3ª Etapa – Entrega de Prémios  Modalidade
4ª Etapa – Final – Seleção dos premiados aos Prémios Excelência.
5ª Etapa – Entrega dos Prémios Excelência

 

Artigo 1

Todos  os responsáveis pelas escolas,  jurados,  coreógrafos,  bailarinos,  associados  a  delegações  (  país de  familia,  representantes  legais, se  comprometem  a  conhecer  e  aceitar as  normas do  regulamento  FND 2020 atualizado.

Artigo 2

MODALIDADES  

1.BALLET CLÁSSICO, NEOCLÁSSICO – serão inscritos neste Modalidade, coreografias criadas ou remontadas, obedecendo a técnica, passos e musica do ballet clássico. Aconselhamos as candidatas menores de 12 anos de idade a não usarem sapatilhas de ponta (em caso de dançarem com sapatilhas de ponta a responsabilidade e decisão e exclusivamente do responsável da(s) candidata(s)).

 Avaliação
1.1.Repertório – É avaliada  a  montagem,  figurino,  época,  estilo, sapatos  de  acordo  com  o  repertório (ponta  ou  meia  ponta),  coreografia original,  nível  coreográfico  e  técnico, não  são  permitidas acrobacias  nem elementos  de  ginástica.

1.2. Ballet Criação –  figurinos  de  acordo  e  sapatilhas de  meia  ponta  ou  de  ponta.  Não  será permitido acrobacias nem elementos de ginástica nesta modalidade.

1.3.Neoclássico – O figurino é simples e confortavel, os  movimentos  do bailarino  devem  ser  marcados.  Pode se  utilizar  sapatilhas  de  ponta  ou meia ponta,  será  permitido  no  máximo  um elemento acrobático e/ou de ginástica.

2.DANÇA CONTEMPORANEA e MODERNA–Serão inscritas neste género as coreografias, que seguem as linhas das escolas de Dança Moderna (Graham, Limon, Cunningham etc.) e/ou Dança Contemporânea (Dança-Teatro, Multimídia etc.). Estas coreografias são criações de ruptura, buscam a inovação e a criação de  novas  formas  de  movimento, de  acordo  com  as  necessidades  do coreógrafo  ou  do  intérprete, sapatos de ponta não podem ser apresentados neste estilo.

 Avaliação – Deve  expresar um  conceito,  um  sentimento ou  simplesmente  investigar  o movimento  para  expressar  o conhecido.  Poderá  utilizar  figurinos simples,  sem  muito  brilho, pode-se  utilizar  sapatilhas  de  meia sola  ou  dançar  descalço. A coreografia pode conter no máximo dois  elementos  acrobáticos  e/ou  de ginástica.

3.JAZZ – Coreografias  que  acentuam  a  linha  corporal  e a mobilidade do tronco, são um contínuo trabalho  rápido e  preciso de pernas com  os  pés  em  paralelo, tendem  a  exagerar  os  movimentos  de certas partes do corpo, como os ombros.
Serão inscritos neste género todas as linhas do JAZZ e seu envolvimento com a Dança Contemporânea e Musicais (Jazz  Broadway,  Jazz  Funk,  Jazz  Moderno, Jazz Contemporâneo, etc.)

 Avaliação –  sapatilha  de jazz, sapatilha de meia sola ou tênis de jazz, dependendo do estilo coreográfico.  A  coreografia  pode conter  no  máximo  quatro  elementos acrobáticos e/ou de ginástica.

4.LÍRICO –  Dança  que  nasce  da  fusão entre  ballet  e  jazz.  Desafia os coreógrafos e  bailarinos  a  utilizar  o  movimento  para interpretar a música e a emoção.

Avaliação – Os  movimentos  dos  bailarinos tentam mostrar o significado da música e  se  apoiam  na  melodía  e/ou  letra. O  figurino  ajuda  a  marcar  a  fluidez  e suavidade  que  caracteriza  o  estilo. Pode-se  utilizar  sapatilhas  de  jazz,  meia ponta  de  ballet  ou  sapatilhas  de  meia sola.  A  coreografia  pode  conter  no máximo três elementos acrobáticos e/ou de ginástica.

5.HIP HOP –é uma fusão de estilos de Street Dance e interpretações culturais que capturam a apresentação , a atitude, a postura, a música e outros elementos de ambiente urbano que em conjunto formam Hip Hop.
Coreografias que Incluem uma  ampla  gama  de  estilos, Street, Commercial, Dancehall, Locking/Popping, Whaacking, Crumping, Voguing, Breaking, House, entre outros, considerando  a  técnica própria de cada um deles

*Na categoria de Junior não existem solos, duos e trios.

Avaliação – Tendo  em  consideração  a técnica  própria  de  cada  estilo,  pode-se  combinar  diferentes  estilos  de  hip hop  dentro  da  mesma  coreografia. A  coreografia  pode  ter  no  máximo quatro  power  mooves  e  elementos acrobáticos e/ou de ginástica. Se  os  estilos  que  apresenta pertencerem  a modalidades  distintas, deverá  se  inscrever na modalidade Livre.

 6.TAP DANCE – São coreografias  que  utilizam frequentemente  movimentos sincopados, as coreografias  começam  típicamente no  oitavo  golpe,  ou  entre  a  oitava e  primeira  conta, podem  realizar-se  com  qualquer  música  e  seguir os  golpes,  proporcionais  ou  sem o  acompanhamento  musical,  ou capela. Podem ser estilo tap brodway, fusão, freestyle ou hoofer.

 Avaliação – Pode ser qualquer estilo de tap Broadway, fusão, Freestyle ou hoofer. Deve utilizar sapatos de tap. Além disso, não  é  permitido  sons  pré-gravados  na faixa  musical  que  simulem  o  sapateado ou percursão dos bailarinos. A coreografia pode  conter  no  máximo  dois  elementos acrobáticos e/ou de ginástica.

7.DANÇAS ESPANHOLAS – São danças  provenientes de Espanha, se  destaca  o  flamenco,  clássico espanhol e  a dança bolera.

 Avaliação – Devem ser  utilizados  sapatos  próprios  dessa técnica.  Não  será  permitido  acrobacias e  nem  elementos  de  ginástica  dentro da  modalidade.  Além  disso,  é  proibido qualquer  som  gravado  na  faixa  musical que  simule  o  sapateado  ou  percurssão dos bailarinos.

8.DANÇAS ÉTNICAS –  São  danças próprias de grandes áreas geográficas que  coincidem  com  as característicos  das  populações  que habitam  essas  zonas,  são  caracterizadas por  predominarem  na  história  como descrição  daidentidade  de  um povo. Inclui danças  folclóricas, danças  africanas,  orientais,  hindus, americanas,  européias,  etc.  Não se  aplica  para  Bollywod  nem  para criações inspiradas em danças étnicas ou folclóricas.

 Avaliação – Figurino  e  sapatos devem  estar de  acordo  com  a  dança original  e/ou  região.  Não  será  permitido acrobacias nem elementos de ginástica, com exceção que estas sejam parte da dança original e tradição.

 9.DANÇAS LATINAS – Estas danças são originadas  e  desenvolvidas na  Latinoamérica.  Sua  técnica  se caracteriza  por  seu  predominante movimento  de  quadril  juntamente com  o  corpo,  entre  os  quais  se menciona a salsa, merengue, rumba, bolero, samba e outros.

 Avaliação – Os  sapatos  devem ser  de  acordo  com  a  dança, sapatilhas  de  ballet  e  jazz  não  serão permitidas.  A  coreografia  pode  conter no  máximo  quatro  acrobacias  e/ou elementos  de  ginástica.  As danças  populares  e  urbanas  não  são consideradas  latinas  para o FND

10.DANÇAS ÁRABES – Dança com origem  no Medio  Oriente,  coreografia de baladi, coreografia com solo de derbake  (mistura  de  ritmos  árabes), as  quais  utilizam  música  com  arranjos ocidentais  e  com técnicas  mais modernas árabes .

Avaliação – Nenhum  tipo  de sapato será permitido nessa modalidade. A coreografia pode conter um máximo de uma acrobacia e/ou elemento de ginástica.

11.LIVRE – Dentro desta modalidade  são incluídas todas as coreografias que cumpram com uma ou mais das seguintes alineas:
–  Fusão  de  duas  ou  mais  técnicas variadas
– Coreografía de alto impacto visual e/ou acrobacias.
– Coreografias  que  não  estejam  mencionadas  nas  modalidades  do regulamento do FND.

Avaliação – Nesta  modalidade não  haverá  limites  de  elementos acrobáticos  e/ou  de  ginástica.

12.TEATRO MUSICAL –  Modalidade  que  combina  música, canto,  canção,  diálogo  e  dança,  com  acompanhamentos instrumentais e  interludios  sincronizados  em uma trama emocional através da  projeção  da  imagem. Sua  apresentação  deve contar  com,  pelo  menos, três  das  características acima mencionadas.

 Avaliação – A  coreografia deve  consistir  pelo  menos  com  40%  de dança. Os  tributos a  cantores  e  mímicas  de  músicas famosas  não  serão  considerados como  um  musical,  a  exceção que faça parte de um repertorio musical. Os sapatos ou calçados serão  de  acordo  com a modalidade elegida  pelo coreógrafo  ou  bailarino. A  coreografia  pode conter  no  máximo  três elementos  acrobátios e/ou de ginástica.

13.PRODUÇÃO FND -Coreografia com um mínimo de 16 candidatos em qualquer modalidade ou modalidades de dança.
Só poderão inscrever-se na PRODUÇÃO FND candidatos de escolas/grupos inscritos no concurso ou mostra, a taxa de inscrição é gratuita , aconselha-se à criação de uma coreografia com todos os alunos da escola/grupo . NESTA MODALIDADE CADA ESCOLA/GRUPO SÓ SE PODE CANDIDATAR COM UMA COREOGRAFIA.

Artigo 3

DIVISÕES E SUBDIVISÕES 

3.1  Divisões 

MINI  – participantes de 4 a 7 anos
CRIANÇAS – participantes  de 8  a  11 anos
JOVENS –  participantes  de  12  a  17 anos
ADULTOS – 18 anos ou mais
OPEN JUNIOR  – 4 a 11 anos (duo, trio e grupos)
OPEN JOVENS E ADULTOS – 12 anos ou mais (duo, trio e grupos), somente podem competir em nível estudante.

*Um  participante,  cuja  idade está dentro de duas divisões no ano da competição,  poderá  competir  em qualquer divisão  (exemplo:  um  participante  que  tenha completado 8, 12 ou 18 anos no dia da competição,  poderá  competir  em ambas a divisões.

3.2 Subdivisões 

SOLO –  1 participante
DUO –  2 participantes
TRIO –  3 participantes
GRUPO PEQUENO –  de 4 a 12 participantes
GRUPO GRANDE –  de  13  a  40 participantes

*Só é permitida  a  participação de solos, duos e trios a partir da divisão de crianças.

Artigo 4

NÍVEIS  

Estão divididos em nível estudante e nível profissional.

ESTUDANTE – São bailarinos em formação que não recebem  renda profissional e são legalmente representados por uma instituição ou professor de dança.

PROFISSIONAL-  São  bailarinos maiores  de  18  anos  que  cumpram com  uma  ou  mais  das  seguintes características,  serem membros de companhias de  dança  ou  grupos  profissionais, que dão aulas  de  dança nas modalidades inscritas na competição.

Artigo 5

TEMPO  

SOLOS, DUOS E TRÍOS – máximo 2:00 minutos.
GRUPO PEQUENO – máximo  2:30 minutos.
GRUPO GRANDE – máximo 3:00 minutos.

TEMPO Adicional
Em casos de coreografias de repertórios tradicionais e clássicos e de necessidades criativas e expressivas dos coreógrafos e bailarinos, pode-se  pedir tempo adicional, por cada 30 segundos acresce o valor de 5,00€ ao valor a pagar pela taxa de inscrição.

TEMPO MÁXIMO Adicional  

SOLOS, DUOS E TRÍOS – máximo 1:00 minuto adicional. (Total máx. 3:00 min)
GRUPO PEQUENO – máximo  1:30 minuto  adicionais.  (Total  máx.  4:00 min)
GRUPO GRANDE-  máximo 2:00 minutos adicionais. (Total máx. 5:00 min)

TEMPO PERMITIDO PARA SOLOS, DUOS,TRIOS.

CATEGORIA IDADES Nºde CANDIDATOS NIVEIS PERMITIDOS TEMPO COREOGRAFIA
SOLISTA CRIANÇAS 8 A 11 ANOS 1 Estudante ATE 2 MINUTOS
SOLISTA JOVENS 12 A 17 ANOS 1 Estudante ATE 2 MINUTOS
SOLISTA ADULTOS MAIS 18 ANOS 1 Estudante

Profissional

ATE 2 MINUTOS
DUO CRIANÇAS 8 A 11 ANOS 2 Estudante ATE 2 MINUTOS
DUO JOVENS 12 A 17 ANOS 2 Estudante ATE 2 MINUTOS
DUO ADULTOS MAIS 18 ANOS 2 Estudante

Profissional

ATE 2 MINUTOS
DUO OPEN JUNIOR 4 a 11 ANOS 2 Estudante Até 2 MINUTOS
DUO OPEN JOVENS E ADULTOS MAIS de 12 ANOS 2 Estudante Até 2 MINUTOS
TRIO CRIANÇAS 7 A 11 ANOS 3 Estudante ATE 2 MINUTOS
TRIO JOVENS 12 A 17 ANOS 3 Estudante ATE 2 MINUTOS
TRIO ADULTOS MAIS 18 ANOS 3 Estudante

Profissional

ATE 2 MINUTOS
TRIO OPEN JUNIOR 4 a 11 ANOS 3 Estudante Até 2 MINUTOS
TRIO OPEN JOVENS E ADULTOS MAIS de 12 ANOS 3 Estudante Até 2 MINUTOS

TEMPO PERMITIDO PARA GRUPOS

CATEGORIA IDADES Nº de CANDIDATOS NIVEIS PERMITIDOS TEMPO COREOGRAFIA
MINI (GRUPO PEQUENO) 4 A 7 ANOS 4 ATÉ 12 CANDIDATOS Estudante ?ATÉ 2:30 MINUTOS
MINI (GRUPO GRANDE) 4 A 7 ANOS 13 ATÉ 40 CANDIDATOS Estudante ATE 3:00 MINUTOS
CRIANÇAS (GRUPO PEQUENO) 8 A 11 ANOS 4 ATÉ 12 CANDIDATOS Estudante ATE 2:30 MINUTOS
CRIANÇAS (GRUPO GRANDE) 8 A 11 ANOS 13 ATÉ 40 CANDIDATOS Estudante ATE 3:00 MINUTOS
JOVENS (GRUPO PEQUENO) 12 A 17 ANOS 4 ATÉ 12 CANDIDATOS Estudante ATÉ 2:30 MINUTOS
JOVENS (GRUPO GRANDE) 12 A 17 ANOS 13 ATÉ 40 CANDIDATOS Estudante ATE 3:00 MINUTOS
ADULTOS (GRUPO PEQUENO) MAIS 18 ANOS 4 ATÉ 12 CANDIDATOS Estudante

Profissional

ATÉ 2:30 MINUTOS
ADULTOS (GRUPO GRANDE) MAIS 18 ANOS 13 ATÉ 40 CANDIDATOS Estudante

Profissional

ATE 3:00 MINUTOS
OPEN JUNIOR GRUPO PEQUENO 4  A 11 ANOS 4 ATÉ 12 CANDIDATOS Estudante ATÉ 2:30 MINUTOS
OPEN JUNIOR GRUPO GRANDE 4  A 11 ANOS 13 ATÉ 40 CANDIDATOS Estudante ATE 3:00 MINUTOS
OPEN JOVENS E ADULTOS GRUPO PEQUENO MAIS DE 12 ANOS 4 ATÉ 12 CANDIDATOS Estudante ATÉ 2:30 MINUTOS
OPEN JOVENS E ADULTOS GRUPO GRANDE MAIS DE 12 ANOS 13 ATÉ 40 CANDIDATOS Estudante ATE 3:00 MINUTOS
PRODUÇÃO FND

GRUPO GRANDE

TODAS AS IDADES 16 ATÉ 40 CANDIDATOS Estudante

Profissional

ATE 3:00 MINUTOS

*A organização reserva o direito de unificar modalidades, divisões e subdivisões e níveis , consoante o número de candidatos e coreografias em competição. Estas coreografias  serão  qualificadas  de acordo com a técnica originalmente inscrita e competirão entre si pela maior pontuação obtida.

Artigo 6

INSCRIÇÃO
Enviar vía e-mail  dentro  das datas  estabelecidas.

–  Formularios de inscrição completos.
–  Copia  do  comprovativo  de pagamento total.
– Contrato  de  aceitação  e  liberação.
– Envio das musicas em formato MP3
– Qualquer  outra documentação  solicitada pela  organização.

Se as inscrições não decorrerem  dentro das  datas  estabelecidas, o FND reserva-se no direito de não aceitar as inscrições.

 

Artigo 7

SELEÇÃO POR VIDEO

Critérios para a Seleção
-Adequação da coreografia e do tema das peças escolhidas para os bailarinos respeitando a especificidade da faixa etária.
-Qualidade artística e técnica dos candidatos.
-Estrutura da composição coreográfica
Criterios para Desclassificação.
-Fichas de inscrição com dados incompletos.
-Falta de documentos.
-Envio de documentação fora do prazo.
-Musica, vídeo ou link sem identificação, com problemas técnicos ou contendo outras musicas ou imagens.
-Coreografias incompletas

Os resultados das coreografias selecionadas será divulgada por e-mail
Inscrições até 15 de Dezembro de 2019 – segunda semana de Janeiro.
Inscrições até 15 de Fevereiro de 2020 – quarta semana de Fevereiro.
Inscrições a partir de 16 de Fevereiro de 2020 – segunda semana de Março.

Não serão divulgadas as notas ou comentários dos jurados sobre as coreografias inscritas na seleção por video.

Artigo 8

CONFIRMAÇÃO DA INSCRIÇÃO 

Apos a seleção de coreografias por vídeo o FND enviará um email com informação  detalhada de sua  participação  durante o decorrer do festival ( competição, mostra,   horários, penalizações, etc.) Se não  receber  este email,  deverá  entrar  em contato imediatamente com  a  organização  do FND.

Os candidatos selecionados terão de enviar o comprovativo de seguro de acidentes pessoais dos candidatos ou se as próprias escolas possuírem seguro próprio, devem enviar fotocópia da sua apólice em vigor.
Após a confirmação da inscrição todas as alterações efetuadas (composição coreográfica, nome da coreografia, tempo, música, troca de nível, de grupo e de bailarinos) será cobrado 25.00€ por cada alteração.

Artigo 9

PROGRAMAÇÃO  

A sequencia da apresentação das coreografias em palco na competição serão na sequência  da  ordem  de  divisões, modalidades e níveis, de acordo com o regulamento FND. A organização unificará aquelas  coreografias que  contam  com  a  mesma  divisão  e o  mesmo  nível,  diferenciando-se  por serem únicas em sua modalidade. Estas coreografias  serão  qualificadas  de acordo com a técnica originalmente inscrita e competirão entre si pela maior pontuação obtida.

Artigo 10

ENVIO DE PROGRAMAÇÃO 

A organização  enviará  a  programação via  email  ao responsável da inscrição. A  programação  terá de ser obrigatoriamente verificada,  em caso de não ser contestada  no máximo em dois dias depois de ter sido enviada, a organização não se responsabilizará  por nenhuma mudança ou erro.

Artigo 11

CREDENCIAÇÃO 

A credenciação só será efectuada com a presença de todos os responsáveis e candidatos na sexta dia 24 de Abril, se alguma escola/grupo candidato independente não poder estar presente na sexta dia 24 de Abril têm que estar presente obrigatoriamente duas horas antes da sua primeira actuação em palco (caso a credenciação não seja efectuada com duas horas de antecedencia da sua primeira actuação em palco sera automaticamente cancelada e sem qualquer reembolso do valor pago ao FND).
O  Responsável  deverá fazer a verificação das  faixas  musicais  de  todas as  suas coreografias e devera entregar uma PEN com todas as faixas musicais em formato  MP3.

Artigo 12

COMPETIÇÃO 
Cada participante deverá apresentar-se duas horas  antes  de  sua  entrada  no  palco com a sua pulseira.  Esta pulseira é obrigatória durante todo o processo da competição,  sem excessões.

*O  programa  poderá adiantar-se ou atrasar-se, dependendo do andamento da competição. Os  participantes  deverão estar maquilhados com seu respetivo figurino para sua primeira entrada no palco.

LOCAL DE ESPERA- Local designado para os bailarinos antes de sua entrada  no  palco.  Deverá  apresentar-se uma hora antes de suas apresentações.

LOCAL DE MUDANÇA DE FIGURINOS – Local destinado  para maquilhagem  e  mudança  de  figurino  dos bailarinos  que  tenham  MAIS  DE  UMA coreografia seguidas.

BACKSTAGE – O bailarino (S) deverá  apresentar-se  no backstage três  minutos  antes  de sua  apresentação.  Caso contrário, deverá  esperar até o final da sessão para poder se apresentar caso a organização o permitir.

MUDANÇA NA PROGRAMAÇÃO Por  motivos  de força  maior,  a  organização  se  reserva no  direito  de  modificar  a  ordem  de participação sem aviso prévio.

ENTRADA NO PALCO – A entrada e  saida  no  palco  não  poderá  exceder mais do que 10 segundos, com exceção de  grupos  grandes,  que  terão  no máximo  15  segundos.  Será  calculada sua  apresentação  a  partir  do  primeiro movimento  ou  som  musical.  Se forem comprovadas  falhas  técnicas  no  áudio da competição por parte do FND,  o/os  participantes poderão se apresentar novamente no final da sessão correspondente, caso contrario,  a  coreografia  manterá a pontuação obtida.

Artigo 13

JURIS  

– Todos os Juris terão de chegar na data  e  na  hora  determinada  pela organização.
– Proibido o uso de telemóvel no local durante o processo da avaliação dos bailarinos.
– Proibida  a  interrupção  da programação  por  pedido  dos  juris.
– Proibido  levantar- se da  mesa de Juri  sem  autorização  da organização do FND.
– Proibido fazer expressões de euforia no decorrer da competição.
– As  folhas  de  qualificação  não devem ter erros nem correções.
– Os Juris não  devem  ter  contato com os bailarinos antes, durante ou depois da competição, excepto nos workshops.
– O juri será removido do painel de jurís se as suas qualificações não estiverem de acordo com as regras do regulamento do FND.

Artigo 14

PONTUAÇÃO E CLASSIFICAÇÃO 

O resultado será a média dos resultados obtidos pelo Jurí da Modalidade (60 pontos), mais o Jurí Complementar (40 pontos). Menos as deduções de pontos (se houver penalidades na participação) pelo Jurí de Penalizações na média total obtida na competição.

PAINEL DE JURÍS
São três elementos de reconhecido mérito na área da Dança. Nosso painel é formado por 3 tipos diferentes de jurís que cumprirão a função de uma classificação especifica, independente um dos outros, jurí de modalidade, jurí complementar e jurí de dedução.

JURÍ DE MODALIDADE (60 PONTOS)
O jurí de modalidade é o perito que qualifica a técnica de acordo com o estilo, nível e categoria em que está inscrito o candidato, grupo ou escola.

1.Técnica Especifica
Modalidade Correta – 1 a 5 pontos
Nivel Tecnico – 1 a 5 pontos

2.Execução
Habilidade – 1 a 10 pontos

3.Dificuldade
Movimentos Extraordinarios – 1 a 5 pontos
Movimentos de Risco – 1 a 5 pontos

4.Musicalidade
Ritmo – 1 a 5 pontos
Edição da Musica – 1 a 5 pontos

5.Coreografia
Inovação – 1 a 5 pontos
Complexidade – 1 a 5 pontos

6.Originalidade e Criatividade
Criatividade – 1 a 5 pontos
Originalidade – 1 a 5 pontos

JURÍ COMPLEMENTAR (40 PONTOS)
O jurí complementar é o perito que qualifica os complementos de acordo com estilo, nível e categoria em que está registado o candidato escola ou grupo.

1.Uso do Cenario
Espaço – 1 a 2,5 pontos
Formações – 1 a 2,5 pontos
Níveis – 1 a 2,5 pontos
Transições – 1 a 2,5 pontos

2.Imagem
Figurino – 1 a 2,5 pontos
Acessorios – 1 a 2,5 pontos
Maquiagem – 1 a 2,5 pontos
Estetica Visual – 1 a 2,5 pontos

3.Projeção do Cenário
Gestos – 1 a 2,5 pontos
Autenticidade do caráter – 1 a 2,5 pontos
Força dos Movimentos – 1 a 2,5 pontos
Interpretação – 1 a 2,5 pontos

4.Resposta do Publico
Critério do Publico – 1 a 5 pontos
Criterio do Jurí – 1 a 5 pontos

JURÍ DE DEDUÇÕES
O jurí de deduções é o perito que qualifica as falhas regulamentadas, são determinadas de acordo com o estilo, nível em que está registado o candidato escola ou grupo.

1- Estilo errado –menos 4 pontos
2- Categoria errada–menos 4 pontos
3- Nivel errado– menos 10 pontos
4- Movimento não apropriado– menos 2 pontos por cada movimento inadequado.
5- Linguagem musical não apropriada – menos 2 pontos de cada vez.
6- Lançamento de objetos ao publico– menos 5 pontos de cada vez.
7- Acidentes ou caídas– menos 1 ponto de cada vez
8- Falsa partida da coreografia– menos 5 pontos
9- Uso indevido de maquiagem ou pintura corporal– menos 5 pontos
10-Figurino não apropriado, ofensivo ou vulgar– menos 5 pontos
11- Chegada tardia ao cenário– menos 10 pontos
12- Expressões de euforia no inicio ou final da coreografia– menos 5 pontos
13- Movimentos de alto risco mal executados– menos 5 pontos
14- Coreografia não apropriada para o nível, historia ou projeção cénica– menos 15 pontos.

O Júri reserva-se ao direito de não atribuir algum prémio, se a qualidade dos trabalhos assim o impuser, bem como decidir a atribuição de Menções Honrosas. As decisões do júri na atribuição dos prémios são definitivas e irrevogáveis.

CLASSIFICAÇÃO 

Será atribuído aos participantes o 1º, 2º e 3º lugar em todas as modalidades e divisões inscritas no FND.
O(s) participante(s) que atingir a pontuação mais alta será classificado em 1º lugar, o que atingir a segunda pontuação mais alta fica em segundo lugar e o que atingir a terceira pontuação mais alta fica em terceiro lugar.

Para serem premiados terão que atingir uma pontuação mínima:

– Para ser premiado com o 3º lugar o concorrente deve ter no mínimo 50 – 69,9 pontos.
– Para ser premiado com o 2º lugar?o concorrente deve ter no mínimo 70 – 84,9 pontos.
– Para ser premiado com o 1º lugar o?concorrente deve ter no mínimo 85 – 100  pontos.

*No  caso  de não haver participantes suficientes  (mais de  três  por  modalidade),  será  determinado o  premiado  de  acordo com  a  escala  de  pontuação anteriormente citada.

DESEMPATE  

No  caso  de  empate,  se  definirá  o  desempate pela  maior  pontuação  dada pelo Juri da modalidade. No  caso  de  ter  a  mesma  qualificação em  modalidade,  será  verificado  a pontuação  específica  na  seguinte ordem nível  técnico, execução, dificuldade, musicalidade, coreografia, originalidade e criatividade.

Artigo 15

ENTREGA DE PREMIOS MODALIDADE
É a cerimonia de entrega dos 1º 2º e 3º premio por modalidade e divisão, realiza-se no final de cada sessão ou sessões dependendo do numero de participantes por modalidade e divisão.

Artigo 16

PRÉMIOS EXCELENCIA 

São  títulos  e  prémios  especiais  que  o FND entrega  aos participantes  mais  destacados  da competição, Prémio Melhor Bailarino(a), Prémio Melhor Crew/Escola/Grupo, Prémio Melhor Dueto, Prémio Melhor Trio, Coreografia Destaque Junior, Coreografia Destaque Jovens e Adultos, Coreografia Destaque Adultos Profissional, Premio Escola Excelencia, Premio Produção FND, Premio Escola Excelencia, Premio Melhor Coreografo

15.1. Prémio Melhor Bailarino(a) 

Este premio é dedicado exclusivamente ao  melhor  bailarino  ou  bailarina,  mais destacado  na competição do FND.  Têm que participar no mínimo em três coreografias em diferentes modalidades  uma delas obrigatoriamente têm que ser um solo e obter no mínimo  85 pontos e inscrever-se pelo menos em 2 workshops em modalidades diferentes, caso contrario este prémio não  será entregue
Não  poderá  obter  este  prémio  a mesma  coreografia  o  mesmo bailarino/a  nos  próximos  dois anos.

15.2. Prémio Melhor Dueto, Prémio Melhor Trio. 

Premios para a melhor coreografia duo e trio de todas as modalidades e divisões, têm que participar no mínimo com três coreografias independentemente da modalidade e divisão e obter no mínimo 80 pontos, caso contrario estes prémios não serão entregues.

15.3.Prémio Melhor Crew/Escola/Grupo, Coreografia Destaque Junior, Coreografia Destaque Jovens e Adultos, Coreografia Destaque Adultos Profissional, Premio Produção FND. 

Têm que concorrer no mínimo com 5 coreografias de grupo.
-Os adultos estudantes e adultos profissionais alem de terem de concorrer com 5 coreografias em grupo, três coreografias têm que ser em modalidades diferentes.

15.4. Premio Escola Excelencia 

Este  premio  é  dedicado  as  escolas participantes ao longo dos anos no  FND

Todos os anos serão registradas as pontuações das coreografias das escolas, serao  incluídas as pontuações dos prémios  obtidos  na  competição em curso. O premio sera atribuidos a Escola com a pontuação mais alta obtida em premios até a competição em curso.

 15.5. Premio Revelação 

Este premio é proporcionado as escolas que  participam  pela  primeira  vez  na competição do FND
Têm de ter participado pelo menos com 10 coreografias e ter ganho no mínimo, em 50% de todas suas participações.

15.6. Premio Melhor Coreografo 

Este  premio  é  dedicado exclusivamente  ao  coreógrafo mais destacado por sua capacidade de criar e dirigir o maior numero de coreografias.

Será merecedor do premio, o coreógrafo que  tenha  obtido  o  maior  número  de prémios  (primeiro,  segundo  e  terceiro lugar) na competição em curso.

 

Artigo 17

NOTAS IMPORTANTES 

1. Proibida a inscrição de um mesmo bailarino em mais de uma coreografia que apresente  iguais  ou  similares  características  de  apresentação  (não deverá competir contra ele mesmo) Dessa forma, não poderá participar em mais de cinco coreografias dentro da mesma competição.

2. Proibido aos diretores, coreógrafos e participantes ter contato com os Juris durante o desenvolvimento da campetição, exceto na premiação final e workshops.

3. Proibido aos responsáveis ou qualquer membro da escola subir ao palco antes, durante ou depois da coreografia participante. Poderão fazer isso exclusivamente no momento de seu chamado para a cerimonia de premiação.

4.Proibida  a  gravação de  FOTOGRAFIAS, GRAVAÇÕES VISUAIS E AUDIOVISUAIS E DIFUSÃO.
Todas as fotografias, filmagens ou gravações audiovisuais das execuções das coreografias assim como o conjunto de todas as apresentações feitas pelo concorrente, não importando qual seja o meio ou o suporte utilizado para efetuar essas gravações, são de propriedade exclusiva do Festival Norte Dança. Nenhuma gravação visual ou audiovisual das coreografias ou das demonstrações dos concorrentes pode ser feita sem uma autorização por escrito do Festival Norte Dança. Os concorrentes renunciam a todo o direito relativos as gravações descritas acima e efetuadas pelo Festival Norte Dança ou por terceiros em nome do Festival Norte Dança, assim como que sua reprodução, difusão, distribuição, retransmissão e projeção por todos os meios incluindo difusão feita por internet (www.festivalnortedanca.org). Os concorrentes aceitam e reconhecem que estas gravações podem ser utilizadas para fins comerciais ou publicitários, incluindo publicidade em favor de terceiros, não importando quais sejam os produtos ou serviços aos quais se relacionem a publicidade. Os concorrentes aceitam em particular que os patrocinadores do Festival Norte Dança que financiam os prêmios atribuídos aos finalistas possam utilizar toda ou parte destas gravações nas suas campanhas publicitárias. Os concorrentes cedem os direitos descritos no presente artigo ao Festival Norte Dança de maneira definitiva e irrevogável, sem nenhum limite de tempo ou de lugar e renunciam a toda pretensão, pagamento, retribuição, reembolso de taxas ou outra compensação de qualquer natureza. A captação de imagens (fotografia e video) do festival não são permitidas . Somente as pessoas credenciadas oficialmente pelo FND são autorizadas a filmar ou a fotografar. As câmeras, telefones celulares e outros aparelhos de filmagem serão confiscados se forem utilizados sem autorização.

5.Proibido o uso de água, purpurina, ski paper, velas e/ou tochas acesas, lançamento de serpentinas a utilização de resina ou qualquer tipo de material?que exija a limpeza do palco após a apresentação e possam prejudicar o grupo que se apresentará na sequência, ou danificar o palco e/ou atingir a plateia.
6. A base da iluminação e a afinação da caixa cénica serão as mesmas para todos os candidatos.
7.Todos os candidatos têm que ter um RESPONSÁVEL a quem compete acompanhar os candidatos aos camarins e acompanhar na entrada e saída de cena. (excepto se o candidato tiver mais de 18 anos).
8. A inscrição pode ser cancelada no caso que as regras e o regulamento do Festival Norte Dança não serem respeitadas pelos candidatos, outros membros do grupo/escola e apoiantes dos candidatos. O cancelamento de uma inscrição sob tais circunstâncias infelizes, será comunicada verbalmente ou por e-mail para o responsável do candidato/escola/grupo e não está sujeita a reclamação.As taxas de inscrição não serão devolvidas.
9.Tanto o júri como os patrocinadores VIP terão acesso permanente tanto à sala de espetáculos (durante a celebração do concurso) como às aulas do workshop (que irão avaliar os candidatos em um registro diferente do palco). Por isso, é importante a participação em todos os momentos do festival, bem como a realização de todas as atividades do concurso com desempenho máximo!
10.Todos os prémios em dinheiro serão pagos ao responsável do (s) candidato (s) ou encarregado de educação por transferência bancária no prazo de quinze dias após termos a informação necessária para efetuar o pagamento.
11.Não será feito o envio por correio posterior de medalhas, certificados e troféus. OS CANDIDATOS DEVERÃO OBRIGATORIAMENTE ESTAR PRESENTES nas cerimonias de Entrega de Prémios.
12.Se a PEN entregue na credenciação não for levantada no final do FND (26 de Abril) não será devolvida.
13.Os camarins deverão ser desocupados logo a seguir às apresentações. A ordem de entrada nos camarins seguirá a ordem de entrada em palco.
14.Todos os responsáveis e candidatos terão que zelar pela segurança, limpeza e conservação do local.
15.O regulamento pode ser alterado até um mês antes do início do evento.

Artigo 17

DIREITOS DE AUTOR
A organização do Festival Norte Dança não se responsabiliza por qualquer tipo de plágio que eventualmente possa ser reclamado. A coreografia a concurso, incluindo a música e todos os outros itens utilizados são da responsabilidade do concorrente e ou da entidade que a inscreveu a concurso.
A responsabilidade da informação sobre os autores das músicas e coreografias NÃO É DA RESPONSABILIDADE DO FND, mas sim do concorrente e ou da entidade que fez a inscrição.

Artigo 18

SEGURO
Todos os candidatos terão que ter seguro de acidentes pessoais o Festival Norte Dança não se responsabiliza por acidentes sofridos durante o evento pelos candidatos no auditório, palco, salas de aula, camarins, bastidores e por doença ou roubo. Os candidatos devem assegurar-se contra os acidentes, doenças e roubos.

Artigo 19

VIAGEM
Todas as despesas de viagem, alojamento e alimentação são de responsabilidade dos candidatos. A organização caso estejam interessados pode fornecer às escolas e famílias todas as informações turísticas e acordos disponíveis, bem como hotéis próximos do local do evento.

Artigo 20

CASOS OMISSOS
Os casos omissos deste regulamento são resolvidos pela Coordenação do Festival.

Somente o regulamento deste site (www.festivalnortedanca.org) em português é aplicado. A inscrição no Festival Norte Dança implica a aceitação obrigatória do presente regulamento.


FND – 28 de Outubro de 2019